• sertaocentralnews

APÓS AÇÃO DO MPCE, JUSTIÇA ELEITORAL CASSA DIPLOMAÇÃO DE PREFEITA DE MADALENA


Imagem reprodução facebook

A ação de Investigação Judicial Eleitoral ajuizada pelo Ministério Público Eleitoral contra a prefeita Sônia Costa, vice-prefeito Gilvan Sales e vereadora Katia Sales, em razão da suposta prática de atos que consistente abuso de poder político e econômico na campanha das eleições municipais de 2020.


O fato investigado pelo MPCE e julgado pela Justiça Eleitoral, trata-se de uma ação realizado no dia 20 de outubro de 2020, em pleno período de campanha eleitoral, realizado comício dentro da fábrica da empresa Sigma Costura Ltda, sendo certo que esta empresa recebe subsídios fiscais e financeiros do município, tendo inclusive a sua sede subvencionada por recursos públicos municipais. O que é proibido pelo art. 73, I, da Lei 9.504.


Pela Justiça eleitoral a ação descumprir as normas de arrecadação e gastos de campanha proporcionando vantagens nas eleições municipais de 2020, o que configurou abuso de poder econômico e político.


Segundo o MPE a prefeita Sônia Costa do Município de Madalena, ainda se utilizou de toda estrutura e máquina administrativa da Prefeitura, servidores públicos, para participarem durante o horário de expediente, de caminhadas e outros eventos eleitorais.


Em nota a prefeita informou que de maneira alguma, houve qualquer tipo de coação as funcionárias da fábrica DelRio para que declarasse apoio ao nosso nome, muito menos obrigar a qualquer uma delas a votar em nossa chapa em troca de emprego, até por que são todas prestadoras de serviço desde a instalação da empresa em nossa cidade, escolhidas por seleção da própria empresa e não havendo qualquer interferência da nossa parte. E o que aconteceu, foi uma visita nossa acompanhando a ex-deputada Gorete Pereira, em período eleitoral.

A ação cabe recurso da prefeita e demais envolvidos no processo. Os políticos citados na reportagem continuam com seus direitos políticos até o esgotamento das instâncias.

317 visualizações0 comentário