• sertaocentralnews

"ESSE ATO EM NADA ALTERA O ATUAL DECRETO ESTADUAL DO CEARÁ", CAMILO SANTANA SOBRE DECRETO FEDERAL.


Imagem reprodução.

Mesmo após um decreto do Governo Federal classificar como serviços essenciais salões de beleza, barbearias e academias de ginástica, o governador do Estado do Ceará Camilo Santana anunciou, nesta segunda-feira (11), que os mesmo devem permanecer fechados no Ceará.

A decisão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União. No entanto, o Supremo Tribunal Federal (STF) assegura aos municípios e estados o poder de decisão sobre quais atividades são consideradas essenciais, durante a pandemia de Covid-19.

O Ceará adotou medidas mais rígidas de isolamento social desde a última sexta-feira (08), com controle de circulação de veículos e pessoas em vias públicas. O estado tem 17.599 casos confirmados do novo coronavírus, 1.189 mortes e 8.655 casos recuperados, de acordo com informações divulgadas pela plataforma Integra Sus nesta segunda-feira (11).


Fonte: Tribuna do Ceará.


90 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 - 2021 Todos os direitos reservados.