• sertaocentralnews

SERGIO MORO É CONSIDERADO SUSPEITO NA CONDUÇÃO DO CASO TRIPEX SEGUNDO STF

Atualizado: Mar 24


Foto: Reprodução

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal declara o ex-juiz Sergio Moro parcial no julgamento do processo envolvendo o ex-presidente Lula e o Triplex do Guarujá. O julgamento foi retomado nesta terça-feira, após o ministro Nunes Marques liberar o pedido de vista na análise do caso. O mais novo integrante do Supremo votou com o relato, Edson Fachin, e foi favorável a Moro. Já a ministra Carmen Lúcia mudou o voto e formou maioria com os ministros Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski. A ministra apontou que o julgamento desta terça-feira não vale para outros processos e destacou que houve espetacularização no julgamento do petista. Com a declaração da parcialidade do julgador, todos os atos do processo que correram na 13ª Vara Federal de Curitiba estão anulados. A anulação de todo o processo ainda é discutida no Supremo e é preciso espera a divulgação de todos os votos. No começo do mês, o ministro Edson Fachin já tinha declarado nulas as condenações de Lula porque o julgamento não ocorreu no foro adequado. Os processos foram remetidos à Justiça Federal do Distrito Federal, mas os atos processuais continuavam válidos.

Fonte: Rádio BandNews FM

35 visualizações0 comentário